terça-feira, 31 de agosto de 2004


Um Carinho, Um Beijinho, um Sorriso...Alegria :o) Posted by Hello

segunda-feira, 30 de agosto de 2004

Lágrima de preta

Não é uma troca de lágrimas , mas logo que li o poema que deixaste no meu blog lembrei-me deste, do qual gosto muito. Beijinhos :-))

Encontrei uma preta
que estava a chorar,
pedi-lhe uma lágrima
para a analisar.

Recolhi a lágrima
com todo o cuidado
num tubo de ensaio
bem esterilizado.

Olhei-a de um lado,
do outro e de frente:
tinha um ar de gota
muito transparente.

Mandei vir os ácidos,
as bases e os sais,
as drogas usadas
em casos que tais.

Ensaiei a frio,
experimentei ao lume,
de todas as vezes
deu-me o que é costume:

nem sinais de negro,
nem vestígios de ódio.
Água (quase tudo)
e cloreto de sódio.


António Gedeão, Máquina de fogo

sábado, 28 de agosto de 2004


A fantasia em um sonho... Posted by Hello

As minhas Flores

As Minhas flores

© Soneto Sarah Rodrigues

Hoje, fui novamente ver as flores
que um dia tu plantaste para mim
e vi que elas sentiam minhas dores
por teu amor que um dia chegou ao fim .

Colhi um girassol e um jasmim,
sentindo meu penar frente aos primores
dos sonhos que ficaram no jardim
sem saber o porquê das próprias cores.

Se as flores me perguntassem de ti,
eu não diria o quanto que sofri.
- Poderia feri-las com a verdade - ,

pois eu guardo nas pétalas do riso,
uma seiva de amor como improviso,
disfarçando a evidência da saudade
:o) Um Beijinho e um bom fim de semana

sexta-feira, 27 de agosto de 2004


Um olhar...Um Por do sol...Um sorrir... Posted by Hello
_ÓBVIO_

Tão óbviamente que é óbvio
Tão certamente que é certo
Que é o amor que mata o ódio
E que o ódio é um deserto

Eu sinto-te, quando tu sentes
Tão óbviamente que é obvio
E até quando tu mentes
Tão certamente que é certo

Viagem polémica...«Barco do aborto» a caminho de Portugal 2004-08-23 15:39:22

Lisboa - Um barco holandês preparado e equipado para realizar abortos deixa nas próximas horas o porto de Den Helder, na Holanda, com destino a Portugal, onde irá manter-se entre os próximos dias 29 e 12 de Setembro. A embarcação pertence à organização não-governamental «Women on Waves», que tem por objectivos apoiar mulheres que pretendem efectuar uma interrupção voluntária da gravidez e lutar contra abortos clandestinos.


O barco efectuou recentes incursões pela Irlanda e Polónia, outros países com legislação restritiva sobre a matéria. O porto português onde irá atracar não é, por enquanto, relevado. No entanto, qualquer prática de aborto ao largo da costa portuguesa só será concretizada em águas internacionais, ou seja, onde as autoridades portuguesas deixam de ter qualquer possibilidade de actuação.

A realizadora portuguesa de cinema Raquel Freire vai estar a bordo do barco e já afirmou tratar-se de um «momento histórico», em declarações à rádio TSF. «Como mulher portuguesa é importante estar aqui e registar este momento, tanto mais que tem sido difícil para as mulheres portuguesas conquistarem os seus direitos básicos», argumentou.

A embarcação da «Women on Waves» tem uma tripulação de cerca de 30 pessoas, incluindo uma equipa médica que só realizará abortos a mulheres que estejam grávidas com menos de seis semanas e meia.

The Abortion boat em Portugal

Segunda-feira Agosto 23, 2004



Sails holandeses do barco do abortion para Portugal
AMSTERDÃO, agosto 23, 2004 (LifeSiteNews.com) - apesar de ser dito somente quinta-feira que não estão autorizados para cometer abortions em águas internacionais, porque seu mandato prescreve, as mulheres no barco do abortion das ondas sailed para Portugal em segunda-feira para fazer apenas isso.

Os abortions Ru-486 químicos flutuando trimester abortuary das ofertas do primeiro às mulheres dos países onde o abortion é ilegal. A visita do barco a Poland o ano passado e a Ireland em 2001 acendeu indignation de ambos os países. Após fazer exame em mães grávidas, o barco sails para as águas internacionais - 12 milhas da costa - e cumpre seu empreendimento sinister.

Última semana, o ministry holandês da saúde dito mulheres em ondas não foram autorizados para cometer abortions na placa a menos que estivessem dentro de 25 quilômetros do hospital de Amsterdão Slotervaartziekenhuis. Mas, de acordo com um relatório de AFP, "a equipe no navio pode ainda entregar para fora dos pills às gravidezes adiantadas do fim. Sob a lei holandesa nenhuma licença é needed realizar abortions em até 45 dias da gravidez."

Depois que a visita do barco a Poland o ano passado, Lech Kowalewski, do federation polonês dos movimentos da Pro-vida, exibiu a frustração na cobertura inclinada dos meios explicando que as mulheres objetivo principal nas ondas "não deviam dar o acesso ao abortion. É objetivo devia começar o acesso aos meios." Lech rebuked as mulheres em ondas que dizem, "querem provocar uma campanha do propaganda. Querem envenenar as mentes dos povos."

Leia cobertura relacionada de LifeSiteNews.com:
Nenhuns abortions em águas internacionais para o barco holandês do abortion, réguas da corte
http://www.lifesite.net/ldn/2004/aug/040
81908.html
O barco holandês do abortion meramente uma máquina do propaganda diz líderes da Pro-Vida
http://www.lifesite.net/ldn/2003/jul/030
70704.html


Oxeanita ... bem vinda Amiga

Que o Sol sempre venha com sua

luz e energia

te despertar para um novo dia!


Que os seus dias sejam sempre abençoados

com muita Luz e com muito Amor

E SORRI!!!

Porque o sorriso brilha, assim como o Sol quando nasce: lindo, perfeito
e contagiante!


Quero te desejar do coração...
Muitos e muitos Sorrisos ...
Bem vinda ao meu cantinho minha Amiga Oxeanita

Beijinho E tridentadinha para ti:oE

O TEMPO


O tempo modifica as idéias mais radicais,
atenua as maiores paixões,
faz desmoronar os castelos mais sólidos
e os sonhos então....
Só não toca nos amigos que não se desfazem pela distância...

Beijinhosssssssss Amiga :o))))))))

quinta-feira, 26 de agosto de 2004

Nas margens do Douro e Tua :o)

"Pouca terra, pouca terra" nas margens do Douro e Tua
Hoje no Diário de noticias;o)
Quinta-Feira,
26 de Agosto de 2004

«Pouca terra, pouca terra.»
É a lengalenga que passa de geração em geração para definir o movimento do comboio. Nunca percebi bem porquê. É que, nas vezes em que viajei neste transporte, vi «muita terra, muita terra». Este Verão, pensei, por momentos, ter encontrado a origem da frase quando viajei ao longo do Douro e do Tua. As linhas férreas seguem ao longo dos rios e estes mudam de cor consoante a paisagem, e as margens estão mais ou menos afastadas.

O rio Douro é mais imponente, forte e abastado, como também o são as rochas, vinhas, quintas e casas senhoris que o envolvem. O Tua é mais pequeno e delicado, mas também mais traquina, correndo por entre lajes de pedra, uma vezes cinzenta outras esverdeada pelo musgo.

E os comboios parecem respeitar tal diferença. Na linha do Douro, que liga o Porto ao Pocinho, circulam três inter-regionais diariamente em cada um dos sentidos e com várias carruagens. Na linha do Tua, que liga a localidade a Mirandela, há apenas uma carruagem e que faz parte do Metro de Superfície de Mirandela, duas viagens por dia em ambos os sentidos.

Mas também não dá para mais, já que a linha é única, efectuando-se a troca dos carris a meio do percurso. Um momento que alguns passageiros aproveitam para fumar um cigarro ou fazer outras necessidades. Perdoem-me, mas este «comboio» mais parece um eléctrico, com a grande diferença de que tem ar condicionado. E que bem que este sabe quando a temperatura sobe aos 38/40 graus!

Os passageiros também são diferentes ou, então, estão mais espalhadas nos comboios que fazem a linha do Douro e mais concentradas no do Tua. Aqui, tudo parece mais familiar, são sobretudo rurais que vão tratar dos assuntos mais importantes à cidade (Mirandela).

TUA. Chamam-lhe a «jóia da coroa» das linhas ferroviárias portuguesas. Um adjectivo maioritariamente atribuído pelos estrangeiros que comparam o traçado da linha ao dos Alpes Suíços. São as lajes de pedra, os montes e os vales, a quem a linha faz uma marcação cerrada. A traseira da composição é o melhor local para se admirar a paisagem. A linha, 55 quilómetros entre Tua e Mirandela, foi inaugurada em 1887, pelo rei D. Luís. Culminavam dois anos de intenso trabalho, dos engenheiros aos operários, na disputa de espaço à vegetação local e, sobretudo, às rochas.

A viagem dura hora e meia, começando depois do primeiro quilómetro com uma sucessão de túneis que esventram a pedra, intervalados pelos carris debruçados sobre o rio. É de cortar a respiração, sobretudo os primeiros 11 quilómetros. Às vezes, as duas margens estão tão próximas que a água se torna verde-escura, outras abrem-se perante os vales e olivais, surgindo o rio num azul-vivo.

DOURO. A linha liga o Porto ao Pocinho tem 175 quilómetros e demora quase quatro horas a percorrer. As primeiras ligações na zona remontam a 1875, mas a linha de São Bento (Porto) até ao Pocinho só ficou concluída em 1889.

Os 70 quilómetros iniciais podem ser aproveitados para ler, já que pouco há de interess. O comboio viaja pelos dormitórios do Grande Porto, com uma ou outra estação em especial, onde se pode admirar os azulejos. E, claro, começa-se pela de São Bento.

A partir do Juncal, deixe a leitura ou conversa e posicione-se bem para assistir ao desfile do rio e das suas maravilhosas paisagens. A linha férrea segue-o até ao Pocinho, sendo a partir de Mosteirô que os dois estão mais próximos, acabando por se cruzarem já depois de Tua.

O comboio circula por entre túneis (11) e pontes (9), ladeados primeiros pela pedra e depois pelas vinhas imensas da Região Demarcada do Vinho do Porto. Começam em Barqueiros e avançam até à Régua, numa visita guiada às melhores castas do tão apreciado líquido. Quintas com as suas casas senhoris, uma ou outra já transformada em turismo de habitação.

E chega-se ao Pocinho, localidade que fica a dois quilómetros de Vila Nova de Foz Côa e que é imperdoável não visitar, mesmo que não tenha feito a marcação para se deslocar às gravuras do paleolítico. Dois taxistas que esperam a chegada do comboio fazem a ligação, nomeadamente uma motorista que é tão despachada a guiar como a conversar. A ida e volta para a vila fica por seis euros. O cliente só paga na volta e... pela tabela!

Por céu neves

Bom dia...

Ora muito bom dia ...
Hummm...Ricardo Obrigada :o)
Está girissímo...sem irritar;o)Bom Dia !!!

Que os primeiros raios de sol,
tragam brilhos de alegria
ao vosso olhar...
Lindo dia para vocês!!!
Cheinho de carinho .....
E de boas energias...
Tridentadinhas :oE


Os signos - Desta vez sem irritar...

quarta-feira, 25 de agosto de 2004

Ihihih...COMO IRRITAR CADA SIGNO?...O_o

_Ora ora ora ...umas Diabruras para animar ;o)
Vamos lá aprender como se irrita cada um dos signos ...
ihihih :oE
*** ÁRIES***

- Fale com eles dando uma enorme pausa entre as palavras.
- Não deixe que eles falem, ou, se falarem, corte pelo meio.

- Diga como quer que façam as coisas e fique controlando.
- Não demonstre paixão e aja como se você não gostasse dele(a).

- Levante a voz cada vez que se quiser fazer entendido.
- Dê uns cascudos na cabeça dele(a) de vez em quando.

- Lembre sempre que eles estão querendo aparecer e, no meio de um grupo, dirija-se a ele (a), advertindo - Você fala eu, eu, eu, o tempo todo...

- Entre, sem pedir licença, e alugue o tempo deles numa segunda-feira de manhã.


*** TOURO***

- Gaste o dinheiro deles, peça para dar uma dentada no seu sanduíche ou na sua maçã, desperdice seu material, não devolva suas coisas.

- Fale com eles bem apressado, pulando direto às conclusões.

- Se estiver na casa de um deles, mude a posição dos objetos quando eles não estiverem olhando.

- Se for possível, quebre estatuetas, bibelôs ou outros objetos de decoração da casa deles e depois pergunte: Isto não tinha mesmo muita importância, não é.

- Encharque-se de perfume tipo penteadeira de viúva,
antes de andar de carro com eles.


*** GÉMEOS ***

- Aborreça-os com lágrimas e longos monólogos sobre sua vida emocional.

- Não converse com eles, em absoluto. Monopolize-os numa festa de forma que eles não possam se movimentar nem conversar com mais ninguém.

- Repita sempre -De onde você tirou essa idéia?

- Peça a eles para fazerem menos movimentos com os
braços e mãos em público, e quando iniciarem um assunto, diga: Isso eu já sei! ou então: Lá vem você de novo!

- Abra a porta do quarto deles e berre: Vai sair desse telefone, ou não vai?


*** CARANGUEJO ***

- Insulte sua mãe (com classe, é claro).
- Critique suas casas.

- Advirta-os de que eles podem perder o emprego, ou que uma estrada está para ser construída passando exatamente onde está situada sua casa.

- Diga que aquela foto de família pendurada na sala
é brega e confunda o retrato da vovozinha querida com o Mike Tyson.

- Critique todos os ex. dele (a): ex. namorados(as), ex. maridos (esposas), etc.

- Jogue fora aqueles discos de Ray Coniff que ele(a) colecionava junto a outras raridades.

- Descubra aquele cantinho que ele(a) gosta de ficar e dê uma geral, mudando tudo de posição.

- Pegue objetos da gaveta dele(a) e não os reponha no lugar.

*** LEÃO ***

- Tente ensiná-los alguma coisa da qual eles não entendam, e dê uma gozada no final, como se eles fossem completos ignorantes.

- Ignore-os.

- Esqueça o nome deles e pergunte. Qual é mesmo o seu nome?

- Em público, não os apresente às pessoas importantes

- Deboche do seu gosto, da sua elegância, da sua aparência.

- Quando estiverem dramatizando um situação, ria quando o caso for triste. E faça caretas quando contarem uma piada.

- Quando ele (a) perguntar após a transa: Foi bom para você? responda ..mais ou .menos.

- Não preste atenção em nenhuma de suas histórias e depois diga: Desculpe, nem ouvi o que você estava falando.

- Tire-os de cena, dizendo - Depois você fala, tá?


*** VIRGEM ***

- Choramingue bastante.

- Desarrume sua (dele) casa, atrapalhe sua programação, esqueça de atarrachar a pasta de dente.

- Cheire feito um gambá.

- Diante do armário do banheiro, indague para que tanto remédio?

- Faça xixi na tampa da privada, ou, de preferência, no chão, em volta do vaso.

- Critique o jeito deles se vestirem. Diga que aquele dentinho torto é um charme.

- Use os vasos de planta deles como cinzeiro, e enterre os palitinhos de fósforo na terra.

- Depois de abraçá-los longamente, revele que você está fazendo um tratamento contra piolhos.


*** BALANÇA***

- Diga bastante Isso é com você, decida logo!
- Leve-os a locais feios.

- Aja de forma grosseira em público, fale palavrões, vire cerveja na mesa, chame o garçom pelo nome, peça pizza de alho e depois tente beijá-lo (a).

- Critique seus parceiros.
- Recuse-se a debater com eles.

- Dê para ele (a) um CD de Tiririca.

- Faça piadinhas do tipo: com esse vestido você fica parecendo a garota propaganda da Ultragaz.

- Peça sempre para ele(a) descer do muro e se assumir.


*** ESCORPIÂO ***

- Dê a eles bastante responsabilidades.
- Coloque realismo na sua filosofia.

- Nunca ria das piadas deles.

- Não tope nenhuma aventura ou quebra de rotina e esteja sempre de mau-humor.

- Quando pintar AQUELA aventura, diga, com ar entediado: Não estou a fim...

- Não aceite nenhum tipo de disputa ou jogo. Repita sempre: Isso são horas?

- Faça todo o possível para impedir aquela viagem de férias dele (a).

- Faça insinuações sobre a pouca cultura dos pais dele (a) ou de outros familiares.


*** SAGITÀRIO***

- Faça perguntas pessoais.
- Saiba muito sobre eles e dê isso a entender.

- Obtenha mais sucesso do que eles e se vanglorie sobre isso isto os mata.

- Repita sempre -Isso não é da sua conta!
- Abra e remexa suas gavetas.

- Escreva coisas na sua agenda em código e depois deixe que ele (a) encontre por acaso.

- Cochiche com outras pessoas olhando para eles, rindo de vez em quando.


*** CAPRICÓRNIO ***

- Organize tudo para que se sintam inúteis.
- Lembre-os de sua baixa posição social.

- Embarace-os em público: faça escândalos, berre com eles, brigue com o caixa por causa deles.

- Deixe-os esperando, nunca chegue na hora marcada.

- Perca ou esqueça coisas importantes que ele (a) confiar a você: documentos, chaves, carteira.

- Repita sempre Você não tem responsabilidade!

- Nada chateia tanto um capricorniano como ser chamado de irresponsável.

- Insinue que ele(a) está saindo com o (a) chefe(a) para crescer na empresa.

- Repita de tempos em tempos -Você é um chato!


*** AQUÀRIO ***

- Torne-se pessoal e íntimo.

- Ao encontrá-los, dê um longo abraço e fique apertando-os contra o peito, emocionado, lacrimejante

- Insista para que eles liguem várias vezes por dia para posicioná-los de seus movimentos.

- Mude-se para a casa dele (a).

- Faça-se passar por burro, tapado, e ainda queira ter razão.

- Diga a eles o que têm que fazer e quando e como fazer.

- Exiba seus valores materiais na cara deles, tipo carro, jóias, dinheiro, posição social.

- Pergunte sempre -O que é que você está pensando?
- Cite seus amigos sempre pelo nome e sobrenome.


*** PEIXES ***

- Diga para agarrarem-se a si mesmos.

- Marque encontro com eles em locais brilhantes, barulhentos, superpovoados, como o metrô da Cinelândia, por ex.

- Deixe-os falando sem parar e no fim diga que não entendeu nada.

- Grite, fale aos berros.

- Conte os seus segredos deixe-os ficar emocionados com sua sinceridade, depois ria e pergunte: -Mas você acreditou nisso?

- Convide-os para olhar as estrelas e fale sobre alíquotas de exportação e importação o tempo todo.

- Arranhe o CD de Djavan deles.

- Apague o cigarro no cristal que ele (a) usa para meditar.

- Deixe cair sua máquina fotográfica, sublinhe os livros que pegou emprestados dele (a).

- Escolha filmes violentos.

- Repita sempre que este negócio de romance, flores e
bombons é tudo coisa de boiola.

- E pergunte sempre: - Você não vai tomar um banho antes de dormir?


E ... Já agora ... sou Caranguejo :oPP

Delta e Alexandre...

OLá ... um pequeno esclarecimento:o)
Só para explicar que o Delta é o nosso Amiguinho Delta lá do barzito... e o Alexandre é o meu "tio" Thor...Duas pessoas muito queridas para mim ...
Um beijinho :oE
Buuuuuuuuuuuuu

Num xou u Calux... exe debe té idu pó tibete. E cumu é ómem, é meiu lerdu e num muda a paxe du blog dax fotuslendias.
Bai dai uma mulé tentaxe i bem ó poixo deli axneilal.
Pontux, dexde ke benha du tibete cum vuntade de nus dá atenxum a jente peloa eli, né?

(Forasteira)

P.X. Diaba, axas kele bai batel in eu? Num e bonitu intlal num blog cum chabe metla, pui num?

Vamos viajar...

Umas viagens malucas para quem gosta...

Delta ...:o)

Uma vesz que não consigo levar o Delta à montanha , ou seja , o meu blog não tem maneira de o aceitar aqui, levo a montanha ao Delta, ou seja , transcrevo para aqui o que ele me envia com um grande sorriso... um beijinho para ti e um bom dia ... obrigada :o)

Por Delta:

E quando acaba o dia, quando o sol se vai e não dá pra esconder o salgado na boca e o aperto na garganta? E quando tudo que um dia era simplesmente deixa de ser? E agora? Quem és tu pra me dizer que homem não chora? Nascemos, nós, machos, com a mácula do pênis. Nascemos homens, mas, antes, nascemos machos. Teremos durante nossa existência muitas vantagens. Teremos melhores salários, não teremos medo de barata ou nojo de coisa alguma.

Contudo, seremos implacavelmente vigiados e controlados, justamente no ponto que nos diferencia dos animais. Justamente no ponto de nosso caráter que nos faz diferente dos macacos. Justamente nas nossas emoções.

Emoção. Coisa indefinível, coisa que não se explica. E como explicar o que acontece quando passa a bela morena com os olhos coloridos na beira da praia? E como explicar o que acontece quando o filho diz eu amo-te ao pai? E como explicar o golo aos quarenta e seis do segundo tempo, vitória virada às cinco da tarde de quarta?

Não se explica. Experimenta-se. Sente-se.

Mas para nós, machos, muito menos. Não nos é permitido converter nossa emoção em líquido límpido e quente. Não podemos verter lágrimas. Alguém me disse em criança: "é feio chorar". Homem não pode chorar, homem não pode demonstrar fraqueza. Homem é homem, mas antes de ser homem é macho. É fera, dominador, ferve o sangue e quebra a porta, deixa-a torta.

Explora, mas não chora.

Jamais.

Homem mata, pisa, agride. É selvagem, conquista. A perder de vista. Homem é guerreiro, é bárbaro, é forte. Mulher dá a vida, homem traz a morte. Homem tem inimigo, não tem medo e não demora a dizer que não chora. Homem não corre do perigo, homem não leva desaforo pra casa. É o chefe da casa. O dono, o primeiro, o senhor do mundo. Homem é o mundo.

Encerra sobre o peito de cada homem um coração, que pulsa para lhe dar sustentação e para lhe causar calor. Não demonstre medo jamais, não tenha frio, fome ou dor. Diz-me isso minha avó, minhas tias talvez. Pessoas de outra eras, outros novembros. Dizem-me o que acontecia em suas almas e nas almas de uma geração enterrada. Acredito.

Não choro. Homem não chora.A lágrima é o sangue da alma. O homem não tem alma, isso é coisa de mulher. O homem tem calma para ter o que ele quer.

Ao homem se ensina guardar, sufocar. À mulher se ensina dividir, compartilhar. O homem tem paciência e força para afogar as lágrimas debaixo dos olhos. O homem tem conhecimento dessa ciência. E pensa que domina o mundo, o coitado!! Nem de si mesmo é senhor! Tem medo do ridículo, o pobre. Medo do que os outros vão pensar.

O homem não pode ter medo. O homem é um ser contraditório. Espanta o rato que fazia pavor à mulher mas tem medo da vida. Medo de outros homens, medo de mulheres, sim, medo de mulheres. O homem tem medo de crianças, medo de meninos e meninas, medo de velhos, medo de todos que estão nas esquinas. O homem é covarde.

Esse homem nem é homem, é macho. Esse homem não chora.

Chorou meu pai ao me ver pela primeira vez. Chorou Cristo ao pedir perdão. Chorou o poeta quando a amada se foi. Chorou aquele que já se venceu. Sim! Pois homem que é homem chora, enfim. Chora de dor, de cansaço, de alegria. Chora se possível todos os dias.

Chora porque o azul da Azenha o emocionou. Chora porque o vermelho das bandeiras estreladas lhe disse que o futuro é bom. Chora porque um dia foi criança e errou. Chora ao ouvir o canto de um rei.

Chora quando o beijo não o alcançou. E também quando o alcançou - por que não?

O homem é um ser contraditório.

O homem é homem antes de ser macho. Esse homem chora.

Esse homem chora porque é livre, porque vive. Esse homem chega em casa depois de um dia quente e toma um banho sorrindo. Esse homem cultiva um jardim, nem que seja só na sua cabeça. Esse homem tem sabedoria. Diamantes preguiçosos nos olhos e músicas nas palavras. Tem sorrisos. Tem amores.

Frio, fome e sede. Medo do escuro. Filhos que ama. Amigos.

Esse homem tem o mundo em suas mãos. Ele é senhor do mundo, mas não precisa, não quer. Quer ser senhor de si e isso já lhe basta. Esse homem chora.

Não, claro, toda hora. Chora se lhe apraz, se lhe é de direito e não de dever. Chora se o motivo merecer. Mas não tem vergonha de dizer eu te amo nem abaixar a cabeça para se desculpar. Não tem medo do que os outros vão pensar.

Tem o mundo em suas mãos e não o explora. Adora.

Sorri e chora. E esquece do resto.

Choro eu, choras tu, choram homens meninos agora.

Os machos padecem em uma couraça de veneno e artérias podres.

Sorriem os homens, bebe-se o vinho e se diz bom dia ao sol nascente.

Sorriem os homens enquanto olham as mulheres dançando.

Longa vida às mulheres que nos fazem chorar, sejam elas humanas, femininas, fictícias, oníricas, industriais, societárias ou feitas de pedra.

Sorriam os homens que choram.

Longa vida aos homens que choram.

Um bom dia muito agradável :o)

De manhã ao acordar, logo me dirijo á janela para ver como está o tempo....Lembro-me de coisas boas que poderei vir a fazer cada dia que passa, coisas banais com variedade..mas uma permanace sempre igual..ter o desejo de ver os amigos..estar com eles...saber que de facto a amizade é das coisas mais bonitas e que faz parte da vida...Recebe um beijinho de bom dia!

Por Delta

Delta ... Um bom dia para ti também :o))
Adorei os teus bons dias :o))

Uma Sombra

*Vale dos Sentimentos*

*Vale dos Sentimentos*

(desconheço a autoria)


Era uma vez um lugar chamado Vale dos Sentimentos.
Lá moravam todos os sentimentos do mundo, cada qual com o seu nome: Alegria, Riqueza, Sabedoria, Determinação...
Apesar de serem tão diferentes, se davam muito bem. Até os sentimentos como Orgulho, Tristeza e Vaidade não tinham problemas entre si.

Mas era lá no fundo do vale, na última das casinhas, que morava o
mais bonito dos sentimentos: o Amor!
Ele era tão bom que quando os outros sentimentos chegavam
perto dele, ficavam mudados porque eles sabiam que, dentre eles,
o Amor era o melhor!
Porém, no mesmo vale, num lugar mais afastado havia um castelo!
E lá também morava um sentimento, só que não tinha nadinha de bom... Era a Raiva! E a Raiva, de tão ruim que era, não gostava
dos moradores do vale!
Por isso, quando acordava de mau humor, fazia de tudo para
estragar a beleza do lugar.

Certo dia, teve uma idéia. Foi até o calabouço e preparou a poção mais esquisita e estraga-prazeres de que se teve notícias!
A fumaça da poção tomou conta do vale e se transformou numa tempestade como nunca se tinha visto antes.
Quando o vale se encheu de raios, chuva e vento, todos correram para se proteger.
O Egoísmo foi o primeiro a se esconder, deixando todos para trás.
A Alegria deu risada de alívio por ter se salvado rapidinho.
A Riqueza recolheu tudo que era seu antes de se abrigar!
A Tristeza, a Sabedoria, a Vaidade, todos conseguiram chegar
em suas casas a tempo!

Todos, menos o Amor. Ele estava tão preocupado em ajudar os outros sentimentos que acabou ficando para trás.
Então uma coisa aconteceu! Um raio bem forte caiu sobre o
vale atingindo o Amor.
A Raiva deu sua tarefa por cumprida e foi dormir.
Quando a tempestade passou, os sentimentos puderam abrir as janelas aliviados. Mas ao saírem eles sentiram uma coisa diferente
no ar. Algo que nunca tinham sentido antes.
Foi então que eles viram o que tinha acontecido com o Amor.


-Ele não se mexe!
- Tá tão parado que até parece que... morreu?!
A Tristeza se pôs a chorar!
O Orgulho não aceitava. Disse que era mentira!
A Riqueza falou que era um desperdício!
E a Alegria, pela primeira vez, não sorriu!
Foi aí que uma coisa estranha começou a acontecer.
Os sentimentos começaram a ter desavenças,
porque sem o Amor para uní-los, as diferenças apareceram!
A situação já estava bem ruim quando eles repararam que
estavam sendo observados.
Alguém que eles nunca tinham visto ali antes.
Então, o estranho se ajoelhou na frente do Amor, tocou-o calmamente e ele abriu os olhos!
- Ele não morreu! O Amor não morreu! - gritaram os outros sentimentos!

Foi aí que todos souberam o nome do estranho: Tempo.
E comemoraram, porque o Amor estava vivo e porque não há nada que acabe com o Amor, tendo o Tempo ao seu lado para ajudá-lo.
E a paz e a harmonia voltaram ao Vale dos Sentimentos.
Sabe o que aconteceu com o Amor e com o Tempo?
Eles se casaram e tiveram três filhos: Experiência, Perdão e Compreensão, que moram lá no fundinho do coração!
"Quando procuramos o bem nas outras pessoas descobrimos
o que há de melhor em nós mesmos."



:o)

Mais uma Bloguista!! O meu Oceano

É isso mesmo...a minha Amiga Oxeanita entrou no mundo dos blogs... uissssss... vamos lá a fazer cusquices ;o)

Beijinho e :o) Amiga
http://meuoceano.blogspot.com/

terça-feira, 24 de agosto de 2004

Um novo bloguista... o meu 1º visitante aqui no meu blog:o)

Ora bem é assim... temos um novo Amiguinho aqui no nosso meio ...e portanto aqui ficam as boas vindas ..., foi ele o 1º visitante do meu bloguinho...Bem vindo Amiguinho e :o)
http://omeuninho.blogspot.com/
façam favor de lá dar um asaltadinha ;o)

O COMÉRCIO DA DROGA

-O problema fulcral do uso e consumo de droga prende-se com a facilidade de acesso, por parte dos jovens, sempre que estes pretendam iniciar-se no consumo.
Ou porque se assiste ao ritual de preparação do caldo, ou porque alguém comprou e pode dispensar um pouco, ou ainda por qualquer uma das mil razões que levam um jovem até ao primeiro xuto, o que está sempre presente é a possibilidade de adquirir com extrema facilidade o produto da iniciação.
Pese qualquer esforço no sentido de combater o tráfico, de limitar os supermercados da droga, de penalizar os traficantes, dos programas de desintoxicação, da metadona, etc., a experiência diz-nos a todos que por aí não se vai a parte alguma que não seja a do aumento desenfreado, assustador e destrutivo do número de jovens que diariamente se perdem no seu consumo.
A solução que passo a apresentar é tão simples que quase me atrevo a pensar que ainda não foi implementada, não por ninguém a ter pensado, mas por haver interesses que o impedem. A ser assim - e nem quero acreditar que o seja - o crime vai muito para lá dos meros traficantes, incluindo então gente de colarinho branco lucrando com a ruína e destruição de uma juventude sofredora:
Todo e qualquer viciado, sem qualquer tipo de discriminação, após sujeitar-se a um exame médico que confirme a sua situação, passará diariamente a receber gratuitamente as doses de heroína ou cocaína que lhe sejam necessárias, ministradas por pessoal especializado e credenciado em centros hospitalares devidamente preparados e equipados.
Pronto, é só isto!
A partir daqui os traficantes vendem droga a quem? Um potencial novo consumidor compra onde?
O risco da importação e tráfico de estupefacientes só se justifica havendo um número razoável de compradores; o tráfico não se faz tendo em mira potenciais novos consumidores. Não havendo compradores porque carga de água alguém persistiria em colocar à venda um produto sem procura?
Para os "agarrados" garante-se-lhes a pureza do produto que consomem, impede-se-lhes a necessidade de se prostituírem ou recorrerem ao crime para conseguir o dinheiro para a dose, diminuindo-se ainda drasticamente o risco de contágio de doenças infecciosas.
Aos nossos filhos - e é este o ponto mais importante do sistema - vedamo-lhes o acesso à droga porque não vão decerto encontrar onde a comprar!
Como contribuintes, fica-nos mais barato importar anualmente umas quantas toneladas de cocaína que pagar toda a actual parafernália de esquemas que cercam o fenómeno da droga. (Será que todos os que vivem hoje do facto de existirem drogados - "clínicas", "associações", "centros", "gabinetes", "especialistas", "acompanhantes", "psicólogos", etc. etc. etc. - poderão um dia viver fora disso?).

O fenómeno só se estanca combatendo um cartel com um monopólio mais forte.
O Estado deve nacionalizar imediatamente o negócio da droga criando um monopólio que "seque" toda a concorrência!
...A sociedade está hoje alicerçada em acordo com essa nova realidade: o consumo desregrado de drogas.
Uma miríade de profissionais depende dela para prover o seu próprio sustento e necessidades.
É impensável que um técnico de desintoxicação ou o proprietário de uma clínica de recuperação desejem verdadeiramente o fim deste flagelo:
Viveriam então de quê?
...E são já muitos milhares os novos dependentes desta outra realidade!
Tal como os assistentes sociais necessitam de pobres para justificar os seus empregos.
Tal como as igrejas necessitam da desgraça para providenciar o seu auxílio.


É pena que o governo por vezes só veja o que lhe interessa porque senão já teria tentado resolver esta questão. Que façam algo que realmente resulte, e se querem a minha opinião: as salas de chuto não vão dar em nada, não vai ser por isso que vão deixar de existir drogados, ne? A única coisa que pode surgir è um pouco de concorrência aos traficantes. Mas isto é só a minha opinião; não tenho qualquer experiência no assunto, falo por aquilo que ouço falar. Continuem a lutar pelas vossas ideias e talvez um dia tudo se resolva. Mas ninguém pode falar por aqueles que consomem, e que sabem realmente o que é ter de suportar certas coisas que só eles mesmos sabem. Legalizem as drogas leves assim não haverá certas pessoas presas por quase nada, e haverá muito mais concorrência aos traficantes.
Não sou consumidora de qualquer tipo de drogas mas isso para já não interessa, acredito que se toda a gente pensasse como `nos`, Portugal já teria reparado que a forma como está a combater o problema não nos leva a lado nenhum.
Não basta criar salas de chuto ou pôr a GNR atrás dos traficantes, isso só serve para que haja cada vez mais gente nas prisões para nada! Sou totalmente a favor da legalização da droga, pelo menos marijuana (droga considerada leve) porque talvez assim o fruto proibido deixe de ser o mais apetecido, alem disso já existem inúmeros países que legalizaram certas drogas. Lembrem-se que a vida é altamente, mais ainda sem drogas!

O_o

...A propósito:

INTERVENÇÃO DO PRESIDENTE DA ASSEMBLEIA DA REPÚBLICA
NA CELEBRAÇÃO DO 166°. ANIVERSÁRIO DO SUPREMO TRIBUNAL DE JUSTIÇA

(...) Sabemos hoje que só a economia global da droga ultrapassa já a economia global do petróleo. E que os fabulosos lucros ilícitos de todos aqueles tráficos, após cuidadosas operações de branqueamento, são depois canalizados para o sector económico legal, de cujas alavancas se vão assenhoreando, bem como do correspondente poder. Por este caminho, as forças do mal conquistarão a direcção do Mundo.
E também sabemos que as políticas criminais do passado são pouco menos do que inúteis no combate a este novo flagelo. Combater o crime organizado a nível global em moldes empresariais e científicos, abençoado por todos os sacramentos das modernas tecnologias, através de policias nacionais e artesanais, de juízes de comarca espartilhados em leis territorialmente circunscritas, quando não arcaicas, e de instrumentos científicos do tempo da Maria Castanha, é enganarmo-nos a nós próprios.
O mais das vezes, do que se precisa não é de investigações policiais, de condenações judiciais, e de encarceramentos prisionais que só apanham, quando apanham, o peixe miúdo, mas de medidas políticas, o mais possível a montante da criminalidade a combater .
Ninguém desconhece que, a generalidade da nossa população prisional, são os "sans coulote" da marginalidade social, sendo mais do que rara a identificação, e ainda menos a prisão, de um criminoso dito de "colarinho branco". Esse é amigo do Rei, priva com poderosos e corrompe-os, ou mete-lhes sereias na cama. Recebe condecorações e, por desfastio, dedica-se também a obras de caridade.
Ninguém desconhece que cerca de metade da população prisional está na cadeia porque foi apanhada nas malhas da toxicodependência. Apesar disso continuamos a potenciar os lucros dos cartéis da droga, encarecendo-a até limites que deixam o ouro a perder de vista, através da proibição do seu comércio. Os cartéis, reconhecidos, agradecem.
E será que sou o único a pensar que a liberalização do comércio de drogas — que acarretaria de imediato o fim do lucro e do crime ligados ao seu tráfico — é mais difícil de concretizar por razões advindas da lógica dos interesses do que da lógica dos princípios? Se assim é, que salvação podemos ter? (...)

(Bem dito!!)

EU SOU A DROGA...Um assunto muito actual e que já se tornou há muito, numa forma de vida para muita gente…

EU SOU A DROGA
“Amigo … eu sou a droga…
Aquela que vem destruir a vida de muitos jovens (e não só) ignorantes…(não só , porque atinge vários graus hectários)…
Eu sou a que me intruduzi em bailes e festas …
Aquela que a principio te faz viver fora deste mundo cheio de problemas , mas que com o decorrer do tempo te começo a fazer falta …
Eu sou a droga , aquela que tem vindo a destruir o mundo inteiro.
Não me importa que sejas branco ou negro, pobre ou rico ,
Tenho vindo a seguir-te .
Depois de me provares serás meu para o resto da tua vida.
Recordas-te quando começas-te?
Estavas triste, sentias-te só…
Eu te ofereci a felicidade e … agora te tenho a ti; és meu!!!
Faço contigo o que quero…
Levanto-te pela manhã e te faço pensar em mim , mesmo que não o queiras.
Sou o teu amo; tu és meu escravo; faço-te caminhar como uma marioneta ;
A tua vontade é minha ; destruo-te a vida física , moral e espiritual ,
Eu sou aquela que destruiu o teu lar , e que roubou o Amor da tua família
Sou a que te levou á prisão .
A que fez de ti um verme .
Tenho-te rebaixado e de mim estás enamorado ; não há ninguém na terra que possa romper o nosso Amor…
O meu único inimigo é Jesus Cristo , Filho de Deuas e eu estou zelosa d’Ele.
Tenho visto como me tem tirado muitos seguidores meus ; muitos são d´mésticas , empreiteiros , professores…
E agora vivem felizes com Ele…Odeio-O!!!
Porque é o ùnico que me tem vencido!!!
O que eu destru-o Ele reconstrói…
Com Ele não posso lutar…
Agora mesmo ele está aqui e … de muitos me quer livrar…”



“Carta de um viciado em Tóxicos”


Rio de Janeiro , 7 de outubro de 1977
A quem encontrar…


_“Não tenho nada para fazer … não tenho nada para oferecer a ninguém .
De mim não resta mais nada, apenas um corpo idiota que pensou que a vida fosse só de prazer.
Uma mente vazia que se deixou levar por um papo furado sem nenhum fundamento.
Neste momento estou sentado, tendo em uma das mãos o revolver e na outra a caneta com a qual redijo esta carta a quem a encontrar .
_Sou um viciado , um dependente; comecei com a maconha , depois passei para os tóxicos mais pesados .Hoje em dia tomo picos .
Por mais que seja meu nojo por essas drogas eu não consigo afastá-las da minha vida , pois a mina deficiência é física. Quando o efeito dessas malditas drogas passam , eu me sinto tão mal que o único recurso é tomar mais e mais .
_Eu começo a lembrar neste momento como tudo começou.
Comecei andando com uns caras que me influenciaram , que diziam que para ser respeitado como homem , eu tinha que entrar na deles.Era tudo auto-afirmação ; não era nada disso. Eles diziam que era uma boa , que ia curtir altas viagens; viajar para onde?...pergunto eu agora.
Viajar para a sepultura ; viajar para longe dos amigos; para longe dos parentes, enfim , para longe de tudo ???
_Muitos conselhos eu recebi , pessoas que me alertavam para a escravatização do vicio , mas eu afirmava que não era viciado e na hora que eu quisesse deixar a maconha eu deixaria . Todos dizem isto , todos dizem , mas dificilmente conseguem vencer o vicio depois de muitas experiências .
_O tempo foi passando , e a maconha já não mais me satisfazia e eu então comecei a exprimentar a cocaína. Hoje em dia sinto dificuldade em sentir o cheiro das coisas. Ja imginaram um homem não sentir mais o cheiro das flores, no perfumes , em nada?? E eu cada vez mais dependente, sempre mudando de tóxico, sempre para cada um que fosse mais forte e fizesse mais efeito.
_ Meus pais se separaram por causa de mim, porque eu causava brigas entre eles, saí de casa e fui bater cabeças por esse mundo , não havia dinheiro em meus bolsos e eu tinha que manter o vicio , e então comecei a roubar .Roubava para comprar a maldita droga em vez de comprar alimentos . Enfraqueci tanto fisicamente que o sexo para mim já era coisa ultrapassada , pois muitas vezes eu não sabia o que fazer diante de uma mulher.
_Eu tinha uma garota que morreu assado porque ela tinha tomado uma dose excessiva de LSD , E o pior de tudo …a dose foi aplicada por mim.
Oh…meu deus , como pode um homem chegar ao ponto que eu cheguei, como eu gostaria de deixar este maldito vicio , poder unir novamente meus pais , devolver a felicidade a muita gente que me conheceu .Meu Deus se eu não apertar este gatilho agora terei de aplicar de novo uma nova dose e talvez seja igual á que dei á minha garota .
_E não quero ser um covarde e fugir da salvação .
_Oh meu Deus meu Deus , eu estou chorando meu Deus . Meu Deus eu estou fazendo alguma coisa que não fazia há muito tempo… é isso é o começo , eu pensei em Deus, eu estou chorando , eu estou me salvando meu Deus , eu posso me libertar dste maldito vicio….

XXXXXXXXXXXXXXXXXXXXXXXXXXXXXXXXXXXXXXXXXXXXXXXXX

Esta carta foi encontrada nos pertences de um viciado em drogas. Ele morreu 5 meses antes da sua carta ser encontrada . Realmente ele parou depois de nove anos de vício , porém seu corpo estava totalmente danificado pelas drogas .
_ Esta carta serve de advertência para todos os jovens que como ele se entregaram ás viagens imaginárias , ás auto-afirmações de machismo e ao inferno dos tóxicos
_ Deve ter sido o desejo deste jovem a divulgação desta carta , já que ele descobriu que o limite de um viciado em drogas é a MORTE.


XXXXXXXXXXXXXXXXXXXXX

Fernando Pessoa -Obras Poéticas

|....|


"Amamos sempre no que temos o que não temos quando amamos."
-- Fernando Pessoa, 1888-1935.
BIBLIOGRAFIA
"Fernando Pessoa - Obra em Prosa", Rio de Janeiro, Editora Nova Aguilar, 1995. Organização, Introdução e Notas de Cleonice Berardinelli. Contém: O EU PROFUNDO, OS OUTROS EUS (Gênese e Justificação de Heteronímia, Caracterização individual dos Heterônimos, Paganismo, Neopaganismo e Cristianismo nos Heterônimos), IDÉIAS ESTÉTICAS (Da Arte, Da Literatura), IDÉIAS FILOSÓFICAS, IDÉIAS POLÍTICAS (Em Geral, Aplicadas ao Caso Português), TEORIA E PRÁTICA DO COMÉRCIO, FICÇÃO (Contos de Raciocínio, Conto (Filosófico) de Pero Botelho).
"Fernando Pessoa - Obra Poética", Rio de Janeiro, Editora Nova Aguilar, 1995. Contém: Introdução (Fernando Pessoa, um encontro de poesia / Cronologia), Poesia de Fernando Pessoa (Mensagem / À memória do presidente-rei Sidónio Pais / Quinto Império / Cancioneiro), Ficções do Interlúdio (Poemas completos de Alberto Caeiro / Odes de Ricardo Reis / Poesia de Álvaro de Campos / Para além doutro oceano de Coelho Pacheco), Poemas Dramáticos (Na floresta do alheamento / O marinheiro / Primeiro Fauso), Poesias Coligidas (Inéditas 1919-1935 / Poemas ingleses / Poemas franceses / Poemas traduzidos para o português), Quadras ao Gosto Popular (325 quadras / Poemas para Lili / Poema Pial), Novas Poesias Inéditas.
"Pessoa Inédito" - Organização de Teresa Rita Lopes. Livros Horizonte. Portugal.
"Fernando Pessoa - Aquém do eu, além do outro" - Leyla Perrone-Moisés. São Paulo, Livraria Martins Fontes Editora Ltda., 1982.
"Fernando Pessoa na Intimidade" - Isabel Murteira França. Lisboa, Publicações Dom Quixote, 1987.
"Livro do Desassossego - Vol. I e II" - Bernardo Soares (Heterônimo de Fernando Pessoa). Editora da UNICAMP, 1994.
Antologia de Fernando Pessoa" - Instituto Cultural de Macau, 1988. Seleção, tradução e anotações de Zhang Weimin.
"Magick in Theory and Practice" - Aleister Crowley. Castle Books, 1991.

E estas Horas...

Irra ...
Estou farta de tentar acertar a hora dos Posts abaixo sobre Fernando pessoa ... o 3 ùltimos foram colocados há poucos minutos e a hora não está correcta... a ver vamos se isto se acerta agora O_o

Fernando Pessoa


(texto do livro "Fernando Pessoa - Obra Poética")



_"Navegadores antigos tinham uma frase gloriosa: "Navegar é preciso; viver não é preciso."
Quero para mim o espírito desta frase, transformada a forma para a casar com o que eu sou: Viver não é necessário; o que é necessário é criar.
Não conto gozar a minha vida; nem em gozá-la penso. Só quero torná-la grande, ainda que para isso tenha de ser o meu corpo e a minha alma a lenha desse fogo.
Só quero torná-la de toda a humanidade; ainda que para isso tenha de a perder como minha.
Cada vez mais assim penso. Cada vez mais ponho na essência anímica do meu sangue o propósito impessoal de engrandecer a pátria e contribuir para a evolução da humanidade. "

Breve cronologia de Fernando Pessoa ...

|........|

13 de junho de 1888 - Nasce em Lisboa, às 3 horas da tarde, Fernando Antônio Nogueira Pessoa.
1896 - Parte para Durban, na África do Sul.
1905 - Regressa a Lisboa
1906 - Matricula-se no Curso Superior de Letras, em Lisboa
1907 - Abandona o curso.
1914 - Surge o mestre Alberto Caeiro. Fernando Pessoa passa a escrever poemas dos três heterônimos.
1915 - Primeiro número da Revista "Orfeu". Pessoa "mata" Alberto Caeiro.
1916 - Seu amigo Mário de Sá-Carneiro suicida-se.
1924 - Surge a Revista "Atena", dirigida por Fernando Pessoa e Ruy Vaz.
1926 - Fernando Pessoa requere patente de invenção de um Anuário Indicador Sintético, por Nomes e Outras Classificações, Consultável em Qualquer Língua. Dirige, com seu cunhado, a Revista de Comércio e Contabilidade.
1927 - Passa a colaborar com a Revista "Presença".
1934 - Aparece "Mensagem", seu único livro publicado.
30 de novembro de 1935 - Morre em Lisboa, aos 47 anos.

Pensamentos ...

Sonho.
Não sei quem sou neste momento.
Durmo sentindo-me.
Na hora calma
Meu pensamento esquece o pensamento,
Minha alma não tem alma.
Se existo é um erro eu o saber.
Se acordo
Parece que erro.
Sinto que não sei.
Nada quero nem tenho nem recordo.
Não tenho ser nem lei.
Lapso da consciência entre ilusões,
Fantasmas me limitam e me contêm.
Dorme insciente de alheios corações,

Coração de ninguém.

Fernando Pessoa, 6-1-1923



*********
Contemplo o lago mudo
Que uma brisa estremece.
Não sei se penso em tudo
Ou se tudo me esquece.
O lago nada me diz,
Não sinto a brisa mexê-lo
Não sei se sou feliz
Nem se desejo sê-lo.
Trêmulos vincos risonhos
Na água adormecida.
Por que fiz eu dos sonhos
A minha única vida?

Fernando Pessoa, 4-8-1930


Fernando Pessoa -Obras Poéticas

OBRA
POÉTICA


"Amamos sempre no que temos o que não temos quando amamos."
-- Fernando Pessoa, 1888-1935.
BIBLIOGRAFIA
"Fernando Pessoa - Obra em Prosa", Rio de Janeiro, Editora Nova Aguilar, 1995. Organização, Introdução e Notas de Cleonice Berardinelli. Contém: O EU PROFUNDO, OS OUTROS EUS (Gênese e Justificação de Heteronímia, Caracterização individual dos Heterônimos, Paganismo, Neopaganismo e Cristianismo nos Heterônimos), IDÉIAS ESTÉTICAS (Da Arte, Da Literatura), IDÉIAS FILOSÓFICAS, IDÉIAS POLÍTICAS (Em Geral, Aplicadas ao Caso Português), TEORIA E PRÁTICA DO COMÉRCIO, FICÇÃO (Contos de Raciocínio, Conto (Filosófico) de Pero Botelho).
"Fernando Pessoa - Obra Poética", Rio de Janeiro, Editora Nova Aguilar, 1995. Contém: Introdução (Fernando Pessoa, um encontro de poesia / Cronologia), Poesia de Fernando Pessoa (Mensagem / À memória do presidente-rei Sidónio Pais / Quinto Império / Cancioneiro), Ficções do Interlúdio (Poemas completos de Alberto Caeiro / Odes de Ricardo Reis / Poesia de Álvaro de Campos / Para além doutro oceano de Coelho Pacheco), Poemas Dramáticos (Na floresta do alheamento / O marinheiro / Primeiro Fauso), Poesias Coligidas (Inéditas 1919-1935 / Poemas ingleses / Poemas franceses / Poemas traduzidos para o português), Quadras ao Gosto Popular (325 quadras / Poemas para Lili / Poema Pial), Novas Poesias Inéditas.
"Pessoa Inédito" - Organização de Teresa Rita Lopes. Livros Horizonte. Portugal.
"Fernando Pessoa - Aquém do eu, além do outro" - Leyla Perrone-Moisés. São Paulo, Livraria Martins Fontes Editora Ltda., 1982.
"Fernando Pessoa na Intimidade" - Isabel Murteira França. Lisboa, Publicações Dom Quixote, 1987.
"Livro do Desassossego - Vol. I e II" - Bernardo Soares (Heterônimo de Fernando Pessoa). Editora da UNICAMP, 1994.
Antologia de Fernando Pessoa" - Instituto Cultural de Macau, 1988. Seleção, tradução e anotações de Zhang Weimin.
"Magick in Theory and Practice" - Aleister Crowley. Castle Books, 1991.

E ... Meteoritos !...

Para o que me havia de dar...
Andava eu a ler por ai e olhem o que emcontrei...

Meteoritos!!!!

(ainda levo com algum na cabeça ;o) )


*Meteoritos*

Diariamente, a Terra é alvo de uma artilharia pesada composta por fragmentos espaciais, que, somados, podem ultrapassar 50 toneladas!
Para nossa sorte, entretanto, ao entrar na atmosfera terrestre, a maior parte desse bombardeio se transforma em minúsculos grãos de areia, chamados de microasteróides. O restante, os poucos corpos que cruzam os céus, deixando um rastro de luz, são os meteoros, popularmente conhecidos como estrelas cadentes. Quando alcançam a superfície do planeta, eles são chamados de meteoritos. Esses corpos são provenientes dos asteróides, as massas rochosas que chegam a ter até 1000 quilômetros de diâmetro e que se concentram principalmente entre as órbitas de Marte e Júpiter.



*Catástrofe que vem do céu *

_Uma enorme cratera no sul da Alemanha, onde, no seu interior, foi fundada a cidade de Nördlingen, hoje com 20 mil habitantes, é exemplo do poder de destruição que vem do céu. Há 15 milhões de anos, um asteróide, com 600 metros de diâmetro, caiu nessa região, destruindo plantas e animais. O círculo, com 24 quilômetros de diâmetro, é a cicatriz exposta de uma grande catástrofe do passado.

*Poder destrutivo*
_A cratera de Barringer, no Arizona, EUA, com 1,5 quilômetro de diâmetro por 230 metros de profundidade, é atribuida a um meteorito que caiu na Terra há 50 mil anos. Seu peso era espetacular: 300 mil toneladas, podendo atingir a velocidade de 70 quilômetros por segundo, o bastante para desencadear efeitos destrutivos de várias explosões nucleares.


*O asteróide que mudou a história *

_ O espetacular choque de um corpo celeste contra a Terra, há 65 milhões de anos, acabou com os dinossauros. Seu poder explosivo foi 250 mil vezes maior que o da bomba atômica de Hiroshima, em 1945. Com o choque, bilhões de toneladas de rochas foram instantaneamente derretidas e pulverizadas, criando uma pavorosa nuvem em formato de cogumelo, com quase 20 quilômetros de altura. Contudo, como essa própria teoria, o local onde teria acontecido tal catástrofe ainda é discutível. Muitas pesquisas apontam a cratera de Chicxulub (com 180 quilômetros de diâmetro, com parte na terra e parte submersa no mar), na região da península de Yucatán, no México, como o alvo daquele objeto mortífero, que teria diâmetro de 13 quilômetros. Muitas das crateras criadas pelo choque de corpos extraterrestres na Terra foram apagadas pela erosão (mas sobraram as maiores, como a de Nördlingen), que somam 150 em todo o planeta.

Pois é... tarda nada ... lá vai um meteóro para a nossa cabecita :oE




Fontes :ALVAREZ, Walter. T. Rex and the Crater of Doom. Editora Princeton University Press.

Um sorriso...

Ora bem é o seguinte...
Venho aqui deixar um enorme Sorriso para uma pessoa , que teve a excelente ideia de pôr aqui uma coisa que, acho que todos repararam ... aquela Diabinha ali em cima ... Adorei e como tal ... o meu Sorriso :o)...(não agradeço...:Op ) antes te dava um beijinho ...é ele o Nosso Amigo Ricardo...agora vai ter de ser ...
Obrigada:o)) e :oE

segunda-feira, 23 de agosto de 2004

Bem vindo...

Olá Bluemoon bem vindo ... :o) e uma tridentadinha para ti aqui do cantinho da Diabinha :oE

Aos Blog Amigos ... :oE

Ora vamos lá a ver...
*Antes ainda não tinha feito o que vou fazer seguidamente, mas agora acho que está na hora...é assim... a minha Blog Amiguinha ali ao lado ... a mariaa tem um blog acabadinho de criar (assim como o meu ... ) é favor irem visitando ;o)http://aprendosempre.blogspot.com/
E sempre aprendemos ;o)

*Seguidamente ali o nosso Amigo Ricardo com o seu, cheio de imagens e Som ... vamos a cusca-lo;o)http://cantinhodoricardo.blogspot.com/

*Como não podia deixar de ser O Nosso Amigo Carlos Marinho, com umas belissímas de umas fotos :o)
http://fotolandia.blogspot.com/

*Agora... sim agora mais umas convivas que eu gostaria de ter aqui neste espaço...(gostei da conviva Diabinha Forinhas ;o) )

é ela a nossa Amiguinha do Foradobaralho...:o))
http://foradobaralho.blogspot.com/
è isso mesmo , vamos espreitar para lá ...;o)

E ainda...:O) Uma Amiguinha que também tem umas coisas muito interessantes;o)
ora nem mais ...
http://o-piropo.blogspot.com/
e vamos lá dar um piropo;o)

Feito isto vamos a blogar e não cansar;o)
Uma boa tarde e umas tridentadinhas para todos :oE


E ...já cá faltava... 666 :oE

(*_+) ___666___

Ora nem mais ... no cantinho da Diabinha não havia de se falar no 666?
Ah poijéeee... (lá vem o jéee)
Deixemos o Nostradamus um pouquito a descansar (para melhor se dizer ... os meus deditos não é?) e vamos lá a saber o que é o 666...O_O
__ Que será hãn?... a esta hora logo com perguntas destas não faz nada bem aos neúronios...
Vamos lá a saber então (como se já não soubessem mas pronto... é para criar aquele suspense...) uissss...
Então é assim...Diabinha mesmo... ihihihi...
Muito se tem falado da besta do Apocalipse em livros sobre profecias, mas pouco se descobriu do que pode ser a indicação do autor do livro do Apocalipse, o apóstolo João, discípulo de Jesus. O número 666 continua um mistério. ( e vai continuar ... uissss)
No passado, pensou-se que poderia estar fazendo referência a Hitler, Nero e a Maomé. Coincidência ou não, estavamos em 1998, ano que, dividido por 3, dava 666. (mas agora estamos em 2004...:oP)
De todas as suposições que já li sobre o número 666, a que me pareceu mais razoável, foi a escrita por um padre holandês chamado Sloet, que disse que o 666 servirá para identificar o Anticristo ( o Diabo ... claro)somente quando ele aparecer, por seu nome, cargo etc.
Segundo as profecias( e eu a dar com as profecias não é?), parece que ele se intitulará o Messias dos judeus ( vai lá vai... ), e terá poder de fazer milagres( hummm). Sendo assim, um título significando Rei dos Judeus, escrito em hebraico, teria o valor 666.
Ficamos a saber o mesmo... mas enfim ... é assim mesmo... 666 é 666 e mainada!!! Ou seja 666...O_o
Ou não fosse eu a Diabinha :oE
___Tridentadinhas...ihihihi... e um bom dia ... que por acaso at+e faz sol ;o)

Livros de Nostradamus ... uma ideia só:o)

Título / Autor / Ano
O Prophecies de Nostradamus / Cheetham, Erika / 1973

Nostradamus e os nineties / Delacroix, Robert,editor/ 1993


Nostradamus - seu Prophecies para o futuro /MacHovec, J. Frank , Editor / 1972

Profecias que já se cumpriram …Parte I...

*_*
´ |Nostradamus e o fim do milénio|
Michel de Nostradamus, astrólogo e profeta francês do século XVI, publicou em 1555 as suas futuristas Centúrias. Nelas se lança uma perspectiva histórica sobre o futuro da humanidade e se explicita que o próximo milénio lhe trará uma grande catástrofe (o Apocalipse das antigas escrituras). Como no resto das suas profecias, Nostradamus mostra-se muito preciso ao afirmar concretamente:
"No ano de 1999, no sétimo mês, aparecerá um grande Rei que virá do Céu."
A quem está a referir-se? Será a Deus ou a civilizações extraterrestres que nos invadirão. Como pudemos confirmar nada disto se passou, será que se enganou na data? Esperemos estar cá para confirmar!!...:o)


Ora vamos lá ...
_A Morte de Henrique II (Centúria I-35)
*”O jovem Leão superará o velho,
No campo de combate em duelo singular
Furará seus olhos , na gaiola de ouro
Duas feridas em uma depois morrer”
[de morte cruel]

*** Esta quadra aparece na 1ª edição das centúrias, publicada em Lyon em 1555.
Trata-se de uma quadra célebre , porque Nostradamus já havia formulado essa profecia no horóscopo para Henrique II da França. O Vicente recorda no texto , o emblema do leão do conde de Montgomery (adversário do Rei no torneio) , sete anos mais jovem que o rei .
Durante o duelo , a lçança do conde atinge Henrique II no olho direito, danificando também o elmo dourado do rei. E o soberano morre “ de morte cruel” depois de intensa agonia…
*****

_A Regência de Catarina de Médicis (Centúria VI-63 )

*”A dama sozinha no reino ficará
O único morto 1º no desafio de honra
Sete anos será pela dor magoada
Depois vida longa no reino pela grandeza”.

***Catarina de Médicis casou em 1533 com Henrique de Orleães , depois Rei Da França como Henrique II, morto num duelo em 1559.Ela deixou o luto pelo marido em 1566, sete anos após a sua morte.
Governou primeiro por sua influência , sobre o rei , e depois como regente. Graças á sua capacidade em tecer tramas politicas , levou o Reino de França para um período de “grandeza”


_A Batalha de Lepanto (Centúria IV-92)

*A cabeça cortada do valente capitão,
Será jogada perante seu adversário;
O seu corpo pendurado no mastro do navio,
Confuso fugirá contra o vento.
*** Esta é a previsão da Batalha de Lepanto (7 de Outubro de 1571) , estreito que liga os golfos de Patras e de Corinto, na Grécia . O Comandante da frota Turca foi decapitado na frente dos seus adversários(as forças cristãs eram comandadas por Dom João da Áustria).
*** | A desenvolver ... tipo cenas dos próximos capitulos ... ;o) |


A Primeira República (Centúria I-3)
O Holocausto de Luís XVI (Centúria X-43)
A Morte de Maria Antonieta (Centúria IX-77)
O Nascimento de Napoleão Bonaparte (Centúria III-35)
A Duração do Primeiro Império (Centúria VII-13)
O Advento de Napoleão (Centúria VIII-43)
O General Garibaldi (Centúria VII-19)
A Primeira Guerra Mundial (Centúria V-85)
O Fim do Império Austro- Húngaro (Centúria IV-12)
A Abdicação de Eduardo VIII (Centúria X-22)
A Guerra Civil Espanhola (Centúria III-8 )
E tantas outras como o Advento do Nazismo que publico a seguir...
“ A república miserável e infeliz,
Será dominada pelo novo ditador:
Grandes multidões exiladas pelo malefício,
Porque o Suevo rompeu seu grande contrato.”
( Centúria I-61)


Agora um bom dia para todos vocês ... espero que goste. :o)

Tridentadinha :oE

*Nostradamus: Que é um Quatrain? * O_o

*** Pergunta boa...

_Um "quatrain" é simplesmente um poema com 4 linhas.
Os "quatrains" rimados de Nostradamus foram escritos principalmente em francês com um pouco italiano, de grego, e o latin misturado. Obscureceu intencionalmente os "quatrains" com o uso do simbolismo e do "metaphor", assim como fazendo muda aos nomes apropriados trocando, adicionando ou removendo letras. O "obscuration" é reivindicado ter sido feito para evitar o seu que está sendo tentado como um mágico. Naturalmente um "skeptic" pôde dizer que esteve feito assim que os "quatrains" poderiam ser interpretados para caber situações numerosas.
Um exemplo de um de seus quatrains mais famosos é do século #2 Quatrain # 24. As versões francesas e inglesas são como segue:
"Tranner dos fleuues de Bestes farouches de faim;
Sera positivos de Hister do encontre de parte du champ,
Treisner grande do fera do En gaiola de fer le,
Quand rien o obseruera enfant de de Germain."
*As bestas ferocious da fome nadarão através dos rios:
A parte mais grande da região estará de encontro ao Hister,
Grande fará com que seja arrastada em uma gaiola do ferro,
Quando a criança alemão não observará nada.*
Assim Hister consulta realmente a Hitler? Um exemplo de letras em mudança de Nostradamus ao redor? É isto um a referência a Germany durante WWII?



Seus "quatrains" poéticos contudo "cryptic" são reivindicados por algum esconder a informação sobre os eventos futuros. Terminou um total de 942 "quatrains" que organizou nos séculos - grupos de 100 "quatrains" (um século teve somente 42 "quatrains").

Ufa... Temos história para o novo século;o)

Nostradamus ... Montar um quebra- cabeças...

********

*As experiências místicas acontecem em outras dimensões da realidade. Quando entramos em contato com outro universo, dimensões e seres cósmicamente mais lúcidos, tudo ocorre num plano diferente. Recebemos uma informação psíquica fora do nível comum de verbalização. A linguagem não é igual a utilizada na Terra e o padrão de lógica, tempo e espaço são completamente outros.
Cada ser humano possui um universo cultural: um cientista, um budista, um católico, um protestante, um rosa cruz, um hinduísta, um espírita, enfim, cada ser humano vive seu mundo e suas verdades mentais. Quando um homem assim penetra numa experiência mística e recebe uma visão ou mensagem, será processada pela mente deste indivíduo antes de ser exteriorizada para terceiros. Os graus de paranormalidades são bem distintos e o nível da experiência mística depende muito desse grau e dos fatores já citados.
Cada homem tem um tipo diferente de experiência mística e a presença de acordo com seu universo cultural. Dessa forma, quando a informação é processada e exteriorizada, há muita interferência de quem a interpretou.

*A natureza faz com que aprendamos a seguir nossas próprias experiências. A própria natureza impele o homem sábio a não seguir videntes, médiuns, ou qualquer mestre que seja. Ela nos impele a seguirmos somente a nós mesmos.
O importante é que cada um comece a conquistar suas próprias experiências místicas e suas visões de outras realidades e dimensões. Assim, não se precisa de provar a ninguém que o espírito existe e que também existe vida fora da matéria.
***********************


**Sobre AS PROFECIAS DE NOSTRADAMUS

*Nostradamus é considerado um dos maiores videntes e profetas de todos os tempos. Seu grau de infalibilidade é altíssimo, a forma de escrever, a técnica para ocultar dados, o uso da ciência astronômica para marcar suas datas futuras são muito claras para quem tem conhecimento de causa.
Ele procurava escrever sob forma velada, oculta, para rugir dos tribunais da inquisição. Para um leigo o texto é confuso e sem sentido algum, porém para um estudioso é como montar um quebra-cabeça intrigante.
É o que nós faremos aqui, será montar o quebra-cabeça profético e tirar dele dados e profecias para os nossos dias. Em primeiro lugar, analisaremos uma das quadras que julgo a mais importante, por ocultar a data do apocalipse e dos acontecimentos.
**" No ano do grande sétimo (milênio) número completado
Aparecerão nessa ocasião os jogos da hecatombe
Não longe do grande milênio
Quando os mortos sairão de suas tombas. "
-Como já vimos anteriormente, Nostradamus mistura os versos. Vamos então, arranja - los melhor:
" Não longe do grande milênio
No ano do grande sétimo, número (ainda a ser) completado
Nesta ocasião aparecerão os jogos da hecatombe
Quando (então) os mortos sairão de suas tumbas. "
-Examinaremos trecho por trecho:
Não longe do grande milênio
No ano do grande sétimo, número (ainda a ser) completado
Este ano a que Nostradamus se refere é a data fatídica, porém oculta numa mistura de calendários. Desvendaremos isso:
O calendário judaico nos mostra as seguintes datas:
• De Adão a Noé 1.242 anos
• Noé a Abraão 1.080 anos
• Abraão a Moisés 515 anos
• Moisés a Davi 570 anos
• Davi a Jesus 1.350 anos
• Soma total 4.757 anos

Esta data é o marco zero para o calendário cristão.
Abriremos parênteses para analisarmos o trecho de uma carta que Nostradamus escreveu a seu filho César:
**"Eu escrevi os livros de profecias e eles contém os vaticínios perpétuos desde agora (1.555) até o ano de 3.797."
-Esta data de 3.797 é que tem contundido os pesquisadores menos esclarecidos, havendo aqui uma mistura de calendários, imperceptíveis para alguns.
Vejamos as coincidências numéricas quando faremos algumas contas matemáticas:
3.797 - 1.555 = 2.242 (1.555 ano em que ele escreveu a carta a César).
Agora efetuaremos a soma: 4.757 + 2.242 = 6.999, logo 6.999 é o sétimo milênio não completado.
Mas no calendário cristão 6.999 eqüivale a 1.999.
Agora vejamos os outros versos da quadra:
“Nessa ocasião aparecerão os jogos da hecatombe
Talvez trate de conflitos mundiais com a utilização de artefatos nucleares
Quando os mortos sairão de suas tumbas
Aqui uma alusão ao juízo final, ao julgamento das almas de nossa civilização.”
Continuando as análises, vejamos um outro trecho retirado da carta à César:
“Outros planetas maléficos reunidos em aquário, por vários anos, marcarão o tempo astronômico desses acontecimento terríveis.”
Aqui Nostradamus nos fornece dados astronômicos importantes para localizarmos no tempo e espaço tais acontecimentos terríveis que ele previu. Diz ele que os planetas maléficos estarão reunidos na constelação de aquário nesta época. Os planetas maléficos na astrologia são Urano e Netuno. Essa conjunção a que Nostradamos se refere só ocorrerá por volta do ano de 1.999 com dados obtidos através de simulações por computadores.
Dando seqüência a carta à César:
"...E assim mil outras aventuras que sobrevirão" por flagelos dos céus, como eu tenho escrito em minhas profecias rimadas, que são compostas inteiramente de uma narrativa, sem ordem seguida, limitando lugares ou tempo.
E termo findo com antecedência que os homens do futuro conhecerão pelos acontecimentos que se produzirão infalivelmente como eu anotei para os outros onde a linguagem é mais clara; porque sob forma velada, as coisas que serão então compreendidas, antes que cinco séculos se passem. E ainda são perpétuos os vaticínios desde agora (1.555) até o ano de 3.797(1.999)."
Aqui temos muitas informações interessantes:
...Os homens do futuro conhecerão...
...sob forma velada...
...estas coisas serão compreendidas antes que cinco séculos se passem...
Isso significa que já estamos na época em que Nostradamus previu para que os homens compreendessem e decifrassem suas profecias.
A DESCOBERTA DO POSSÍVEL ASTRO

Ficamos perplexos todas as vezes que nos deparamos com as profecias para o final dos tempos. Eu, particularmente, sempre fiquei confuso e querendo compreender o que poderia causar tais catástrofes geológicas tão profundas no planeta.
Para ocorrer instabilidade geológicas tão intensas que causassem as mudanças continentais de ordem global, teriam que haver fortes influências externas.
Após biliões de anos, a civilização terrestre atingiu um certo equilíbrio dinâmico e poucos são os grandes terremotos ou erupções vulcânicas ao longo da história humana. Sendo assim, as perturbações profetizadas deveriam ter uma causa externa.
Dessa maneira, tudo leva a crer na possibilidade da passagem de um gigantesco astro perturbador próximo a linha orbital da Terra, afetando de forma significativa a estabilidade da órbita e da crosta terrestre.
Como minha formação acadêmica é de Física e minha especialização foi exatamente na área de astronomia e astrofísica, tenho certa facilidade em trabalhar com este tema. Estive analisando as profecias e ela nos mostram a presença deste possível astro perturbador.
Fala-se muito, nos dias de hoje, na verticalização do eixo de rotação da Terra. Para que isso possa ocorrer só mesmo a partir de uma força aplicada de fora do planeta. Dessa maneira, lançaremos a hipótese da existência do astro X e tentaremos procurá-lo nas entrelinhas das profecias de Nostradamus.
Analisaremos a respectiva quadra:
“Por mais de onze vezes a Lua não quererá o Sol
Ambos aumentados e diminuídos em graus
Posto tão abaixo dele que encobrirá o outro
Depois da praga e da fome o grande segredo será descoberto.”
Mediante análise por computadores pudemos encontrar
Por mais de onze vezes a Lua não quererá o Sol.
Dois eclipses, um lunar e o outro solar que ocorrerão em julho e agosto de 1.999. Vejamos as coordenadas e as datas:
Eclipse Lunar............................28/07/99
Eclipse Solar.............................11/08/99
Entre essas duas datas temos 14 dias, ou seja, um pouco mais que onze. E quando ele se refere a lua não querendo o sol está mostrando o intervalo entre os dois eclipses.
Ambos aumentados e diminuídos em graus.
Observaremos as coordenadas dos eclipses:
Eclipse Lunar Sol - 19 N 0' 8" Lua - 17 S 43' 9"
Eclipse Solar Sol - 15 N 18' 6" Lua - 14 N 38' 8"
O termo aumentado e diminuídos significa coordenadas positivas e negativas. Quando a coordenada é negativa significa hemisfério Sul e positiva, Norte. As coordenadas do sol, nos dois eclipses variam entre Norte e Sul (aumentados e diminuídos).
Posto tão abaixo dele que encobrirá o outro.
Esse OUTRO que ele se refere, seria o astro X oculto pelo sol devido a sua posição nesta data.
Depois da praga e da fome o grande segredo será descoberto.
Pragas e fome - Talvez o resultado de uma guerra nuclear que já teria assolado o planeta.
Após essa situação calamitosa, o astro X seria então visível por todos e estaríamos a mercê de sua ação avassaladora. Talvez por causa do eclipse de 11/08/99, os astros próximos ao sol poderão ser observados durante o dia. Neste caso o astro poderia então ser descoberto pela ciência e pela humanidade em geral.
A próxima quadra que analisaremos mostra mais claramente este fato:
“Quando Vênus for coberto pelo Sol
Sob o esplendor, estará oculta uma forma
Mercúrio no fogo, e descobrirá na aura
Por um boato de guerra será insultado.”
Escreverei esta quadra com um ajuste de palavras e ordem:
Quando Vênus for coberto pelo Sol (em conjunção)
Sob o esplendor (do Sol) estará oculta uma forma (o astro X)
Ele (o astro X) será descoberto na aura solar
Quando Mercúrio estiver no fogo (confundido com a aura solar)
Como podemos notar, quando Vênus estiver em conjunção com o Sol e Mercúrio em conjunção interna Terra / Sol, o astro X poderá ser visível. Nesta época uma grande conturbação política deverá estar ocorrendo.
Continuaremos a análise em outra quadra:
“No ano de (1.999), sétimo mês
Dos céus virá o grande rei do terror
Ele trará devolta o grande rei dos mongóis
Antes que Marte reine em boa hora.”
Quadra X-72
Se levarmos em consideração que sétimo mês significa mês de julho; que rei do terror refere-se ao astro X; que rei dos mongóis foi Gengis Kan, o conhecido flagelo dos deuses; e que Marte simboliza a guerra, a interpretação desta quadra é a seguinte:
O astro X estará causando perturbações no planeta, talvez de ordem climática e levando a uma quebra nos meios de produção agrícola e energética, induzindo o mundo a uma das maiores crises políticas e econômicas da história, isso tudo profeciando o início de uma grande guerra.
Então, quando o eclipse do Sol estiver em plena luz do dia
O monstro será visto
Será interpretado de maneira diferente
Ninguém se preocupará com as despesas,
Ninguém se proverá para elas.
Quadra III-34
Nesta quadra temos o seguinte:
Devido ao eclipse solar, o astro X será visível em plena luz do dia, mas será interpretado de maneira diferente, ou seja, os cientistas e o povo não perceberão sua ameaça e encontrarão uma explicação simples para enganar a opinião pública. Assim, poucos estarão realmente preparados para as catástrofes que esse astro X virá causar de forma muito repentina e inesperada. (...ninguém se preocupará com as despesas, ninguém se proverá para elas...)
Ele aparecerá no Setentrião
Não longe de Câncer, uma estrela cabeluda
Baatria, Siena, Erétria
O grande homem morrerá na noite dispersa.
Quadra VI-6
No primeiro verso, quando Nostradamus fala do setentrião, ele está se referindo ao hemisfério norte, assim, ele nos fornece a posição em que o astro X aparecerá no céu.
Não longe de Câncer, uma estrela cabeluda
Nos segundos e terceiro versos, a estrela cabeluda é a estrela Regulus, a Alfa da constelação do Leão, e Siema, Baatria e Erétria são as três estrelas da constelação de Câncer; deste modo, o profeta nos identifica a localização do astro X entre a constelação de Câncer e Leão.
Quanto ao último verso: ...0 Homem morrerá na noite dispersa... Nós não sabemos nada a respeito. Talvez um homem de muita importância política ou religiosa morrerá nessa época. Quanto a isso teremos que aguardar os fatos.
Após a grande miséria para a humanidade, uma outra maior ainda se aproxima
Quando se renova o grande ciclo dos séculos, choverá sangue, leite, fome, guerras e doenças
Nos céus será visto um fogo arrastando uma trilha de faíscas.
Quadra II-46
Ordenando esta quadra temos:
Quando se renova o grande ciclo dos séculos
será visto nos céus um fogo arrastando uma trilha de faíscas
choverá sangue, leite, fome, guerras e doenças
E após essa miséria para a humanidade, uma outra
maior ainda se aproxima.
"Quando se renova o grande ciclo dos séculos"
Este verso se refere a uma data próxima a virada do século, talvez os anos de 1.998 ou 1.999.
Será visto no céu um fogo arrastando uma trilha de faíscas.
Aqui está muito claro para nós, homens do século XX, que Nostradamus viu uni míssil nuclear cortando os céus.
Para ele que viveu numa época onde nem se podia imaginar qualquer objeto voador, considerem como deve ter encarado e interpretado tais visões?
Como posteriormente escrever sobre isso, já que tais objetos não faziam parte da cultura da época? Que nomes dar a esses objetos e como explicar isso às pessoas daquele tempo?
Hoje, para nós, é fácil absorver tais idéias e interpreta - las corretamente.
Choverá sangue, leite, guerras e doenças...
Nostradamus viu aqui os resultados das explosões dos mísseis nucleares, causando profunda desolação, mortes e doenças deixadas pelo impacto destruidor das bombas e do efeito venenoso das radiações.
Não podemos descartar aqui os efeitos de armas químicas, transportadas por mísseis que atualmente são largamente utilizadas em conflitos no Oriente Médio.
Após essa miséria para a humanidade uma maior ainda se aproxima...
Talvez ele se refira às catástrofes geológicas em seu auge. A ação do Astro X causaria primariamente profundas mudanças climáticas, levando o mundo a um caos econômico e a escassez de matéria prima e alimentos. Esse seria o fator primário a desencadear os conflitos mundiais. Nas agora, neste caso, o astro X estaria causando sua mais intensa perturbação gravitacional, provocando as catástrofes geológicas que mudariam o cenário geográfico do planeta.
Fogo da cor do ouro virá do céu e será visto na Terra, atingida pelo alto nascido
Um feito maravilhoso, grande morticínio da humanidade
Um sobrinho tirado do grande rei
A morte do espectador, o orgulhoso escapa
Quadra 11-92
Vamos ordenar esta quadra:
Será visto na Terra um fogo da cor do ouro
que virá do céu
(isto causará) Grande morticínio da humanidade (com)
A morte do espectador
Um sobrinho será tirado do grande homem
O grande orgulhoso escapa
Um feito maravilhoso (estará acontecendo)
Quando Nostradamus diz: Será visto da Terra um fogo da cor do ouro que virá do céu...
E óbvio que ele viu uma explosão nuclear. Essas bombas são lançadas por mísseis ou aviões e são programadas para explodirem a cerca de 2.OOO metros de altitude para que, assim, possam destruir uma área maior do que se explodirem no solo.
Dessa maneira, a explosão virá dos céus e matará os espectadores desse fenômeno que destruirá grande parte da humanidade.
...Um sobrinho tirado do grande rei...
Aqui, talvez, de possa ter visto um rapto do sobrinho de alguém muito famoso na época. Talvez terroristas junto a família e parentes de presidentes de nações muito poderosas.
...O grande orgulhoso escapa...
Não sabemos ao certo a quem Nostradamus se referiu. Talvez uma ação militar contra o quartel general de um líder político, que esteja sendo um dos causadores do conflito mundial e do clima de terror no mundo.
...Um feito maravilhoso...
Outro ponto que não sabemos ao certo. Há muitas possibilidades aqui:
1 - Uma conquista espacial importante sendo realizada por uma ação das grandes potências.
2 - Contato com inteligências extraterrestres: talvez a presença maciça dos UFO's, ou a descoberta dos mundos intraterrenos, ou até mesmo as interferências extraterrestres de grande ou pequeno porte em alguns locais da Terra.
3 - A presença de um Avatar Crístico em meio ao caos.
4 - Uma descoberta médica muito importante (talvez a cura da AIDS).
Passaremos para outra quadra:
A grande estrela brilhará por 17 dias
E a nuvem fará o sol parecer duplo
O grande mastim virá durante a noite
Quando o grande pontífice mudará sua residência.
Quadra II-41
...O grande mastim virá durante a noite...
Isto significa que a guerra nuclear será deflagrada durante a noite, quando todos dormem. O mastim significa LOBO, que é um animal com hábitos noturnos.
...E a nuvem fará o sol parecer duplo...
Os efeitos da guerra nuclear em alguns locais da Terra farão com que os céus fiquem cobertos com fumaça e fuligem das explosões atômicas. Os incêndios devastarão florestas e cidades queimarão por semanas a fio. Os efeitos da refração da luz solar em alguns pontos nessa camada de nuvens fará o sol parecer duplo.
Uma outra possibilidade de interpretação aqui é a seguinte:
Talvez a presença do astro X muito próximo da Terra fará com que tenhamos dois astros brilhantes no céu.
Cabe ainda uma outra interpretação. Estaria Nostradamus referindo-se a um grande líder político ou religioso, que assumirá o poder por apenas 17 dias, pois chegará o fim dos tempos e ele não terá o que governar ?
Quando o grande Pontífice mudará sua residência...
Aqui é muito fácil compreender, pois Nostradamus é muito claro. O Papa deverá mudar sua residência para um local seguro da eminente destruição nuclear.
Vejamos agora outra quadra:
A Lua escurecida por trevas profundas
Seu irmão o Sol se torna de vermelho brilhante
O grande escondido por muito tempo nas sombras
Segurará a lâmina na figura sangrenta.
Novamente o profeta revela a aparência do sol e da lua mediante as mudanças atmosféricas causadas pela guerra ou pelas erupções vulcânicas e climáticas motivadas pelas perturbações geológicas, sob a influência do astro X.
...O grande escondido por muito tempo nas sombras...
Poderá ser o astro X que prosseguirá aumentando ainda mais o fator destruição, logo após a miséria da humanidade em virtude da guerra nuclear (...segurará a lamina na figura sangrenta...).
Vejamos outra quadra:
Mahus morrerá cedo
E haverá então uma terrível destruição
de gente e animais
Subitamente se revelará a vingança
Uma centena de mãos, fome, sede, quando da
passagem do cometa.
Vamos ordenar:
Quando (ocorrer) a passagem de um cometa
Mahus morrerá cedo
Subitamente se revelará a vingança
E haverá então uma terrível destruição
de gente e animais
Uma centena de mãos, fome e sede.
Quando ocorrer a passagem de um cometa...
Talvez nessa época, um cometa muito brilhante esteja cortando os céus, ou a simbologia do cometa possa ser interpretado aqui como mísseis cruzando os céus que oticamente tem o mesmo visual de um cometa.
...Mahus morrerá cedo...
Talvez um político muito importante seja morto, desencadeando um conflito mundial.
...Subitamente se revelará a vingança...
Em virtude de tal fato, uma vingança será efetuada através do uso de armas nucleares.
..E haverá então uma terrível destruição de pessoas e animais.
Os resultados de um conflito nuclear e de armas químicas farão muita gente e animais serem mortos.
...Uma centena de mãos, fome e sede...
Uma forma alegórica de descrever o sofrimento da humanidade em virtude dos efeitos de uma guerra atômica.
Nostradamus fala muito em sede: pesquisas mostram que um dos sintomas da doença radioativa será a febre muito alta, dando muita sede nos indivíduos. Porém, a água potável será raridade na época.
Com esta última quadra encerramos um pequeno resumo sobre as profecias de Nostradamus.
Laércio Fonseca
:o)

domingo, 22 de agosto de 2004

Os dois anos...(...)

Nostradamus, aparentemente, em toda sua vasta obra escrita no século XVI, citou claramente apenas dois anos. Um foi o ano de 1792, próximo da palavra renovação. A Revolução Francesa, que ocorreu nesta época, comprova que a profecia era verdadeira, principalmente por ter vinda de um francês. O outro ano que ele cita é 1999, perto da palavra guerra. Apenas síndrome de milênio?

"O unico homem que nao erra e aquele que nunca faz nada"
(Roosevelt)

Portugal

Boa tarde.
Hoje apetece-me falar de Portugal.
Há uma música, que é cantada, que o inicio é o seguinte:
" É tão linda a minha aldeia
o lugar onde nasci... "
Isto é o sentimento, que muito de nós, sente pela aldeia, vila ou cidade que nasceu, e acima de tudo, por PORTUGAL. Eu adoro o meu pais, e digo a toda a gente que a cidade onde nasci e moro ( Setúbal), é a mais bonita de PORTUGAL, mas digo isto é tom de brincadeira, mas tambem é verdade que me meto a pensar que moro num sitio, onde tenho praia, serra, rio, mar, golfinhos, flamingos,etc... , mas tambem tenho uma cimenteira a destruir a serra e destruir residuos, tenho uma empresa de reparação naval (Lisnave). O que isto quer dizer, é que todos nós moramos em sitios que poderiam ser autenticos paraisos, mas por força do desenvolvimento, temos que sacrificar certas coisas( e quase sempre o prejudicado é a natureza) para termos desenvolvimento.
Quero tambem dizer que, na semana em que tive no norte, conheci zonas lindissimas.
Conheci uma parte do Porto, onde já tinha estado, mas sempre de passagem.TIve no Gerês, na parte este do Gerês, naquela parte menos conhecida e turistica, e só posso dizer que é mesmo muito lindo. Tive em Amarante, que conhecia só de passar uma vez pela IP4, e chovia a potes, e adorei. No caminho pra Vouzela, fiz uma parte junto ao Rio Douro, até ao Peso da Régua, e enfim, escuso de comentar o que toda a gente sabe.Vouzela lindissima.O que quero dizer para acabar, é que nós temos um pais lindissimo, seja norte, seja sul, seja ilhas, seja alentejo, seja beiras, seja minho. Eu tenho todo o orgulho de ser português e de morar num sitio lindissimo.

Jinhosssss e Abraçosssss

Zé Manel ( Ladeira )

PS:Quando ia de Amarante para o gerês, e vice-versa, houve um sitio, que pela imponência, nunca mais vou esqueçer: Senhora da Graça. Não se proporcionou, mas quando um dia voltar aquela zona, eu hei-de ir lá a cima. Lindissimo

Bom dia.....

Bom dia
É assim...já dei as boas vindas a todos os meus Amiguinhos assim que chegaram aqui ...agora tem o meu Amiguinho Manuel e o Carlos...
ainda não lhes deixei um beijinho... sejam bem vindos ao meu cantinho... e obrigada por terem aceitado o meu convite...:o)
Maria ... Ricardo... Ladeira... e Alexandre ... um sorriso enorme...e ... obrigada por estarem aqui :o))

Menina, mulher amante

Menina, mulher amante,
com seus olhos brilhantes,
quero ter você por um instante,
e beber teu prazer constante...
Beijar o teu corpo gostoso,
lamber seu pescoço,
e ser grudento aos poucos...
Se te quero tanto assim,
nesta ilusão tão ruim,
é porque para mim,
és um castigo sem fim...
Na minha serra querida,
tu és a minha guia,
te quero nua de dia,
nem que seja por fantasia...

Prólogo ás Profecias... Nostradamus ~_~


*Prólogo ás profecias*

-As centúrias de Nostradamus foram escritas numa linguagem bastante hermética.
Ele conhecia com perfeição as línguas clássicas e também o romance(língua vulgar derivada do latim , falada em certos países , após o declínio de Roma).
Nostradamus utilizou esses conhecimentos para apresentar suas mensagens proféticas de forma acessível a muito poucas pessoas.
Não bastava isso , ainda lançava mão de alguns truques- como a inversão de letras , sua substituição por outras , anagramas e alcunhas- aumentando assim , as dificuldades a serem vencidas pelos estudiosos de sua obra.
O Vidente escreveu "Rapis" em vez de Paris ."Nercaf" por France," Eiovas" por Savoie,"Arge" por Alger , "Loin" por Lyon e assim por diante…
Para entender melhor os textos , é necesário considerar a época em que viveu Nostradamus, época muito difícil por causa das lutas religiosas entre católicos e huguenotes.
Uma mensagem , ainda que exposta claramente, mas mal interpretada por uma das facções, poderia provocar um aumento da violência , e assim acarretar a perseguição ao seu autor…
A primeira edição de "Les Prophéties" de M. Michel Nostradamus veio á luz em Lyon. No ano de 1555, e , três anos depois sai uma segunda edição impressa por
Pierre Rigaud; e em 1568 , (dois anos depois da sua morte) Benoist Rigaud publicou uma edição completa.
No total , as centúrias são doze , três delas estão incompletas , as de números 7, 11, e 12…
A elas devem ser acrescentados os Presságios (1550-67), e as outras profecias , encontrados parte em cartas enviadas aos reis , e a outras personalidades com as quais Nostradamus tinha contacto…
:o)

sábado, 21 de agosto de 2004

A època de Nostradamus ^_^

*Quando Nostradamus nasceu , a América havia sido descoberta há onze anos…
E Roma encaminhava-se para o seu maior brilho no Renascimento:
-Leonardo Da Vinci estava pintando a sua "La Gioconda"; o arquitecto italiano Bramante
iniciava a construção da Basilica de São Pedro e o famoso Michelangelo dava as primeiras pinceladas na Capela de Sistina, no Vaticano, por encomenda do papa Júlio II.
Paris já era um centro de cultura e de artes: dessa época remontam os belíssimos edifícios, como o Hotel de Sens, o Hotel de Cluny, e s Igrejas de Saint-Merri e de Saint-Etienne –du-Mont.
Passam alguns anos (sim porque senão nunca mais saímos daqui)... eis que temos Maquiavel escrevendo "O Princepe" e o poeta italiano Ludovico Ariosto o seu "Orlando Furioso".
Paira no ar um fermento(nada de bolos né?)cultural que invade todos os sectores da sociedade.
È assim nesse clima tão rico de experiências e de ideias, que caiem as primeiras sementes do que mais tarde seriam apelidadas de “ guerras religiosas”.
Em 1517, Lutero publica as 95 teses contra a doutrina das indulgências, entrando em conflito com a igreja (só podia …), razão pela qual, quatro anos depois é excomungado pelo Papa Leão X(não há direito), a pedido deste, banido da Alemanha(reparem que já havia banes nessa altura;o) )pelo Imperador Carlos V.
Ora bem … Dez anos depois (exatamente dez anos …)as tropas imperiais saqueiam Roma. E , em 1545, tem inicio o concilio de Trento, realizado em um quadro histórico muito vivo e agitado(pudera…).
È a época em que Nostradamus se encontra em Marselha, retomando a sua vida de médico(citei isto uns posts abaixo)…depois da morte da primeira esposa.
Dois anos depois , em 1547, Henrique II sobe ao trono de França, enquanto na Grã-Bretanha, com o Rei Eduardo VI, se acentua a orientação protestante da Igreja Anglicana.
Na França a politica adoptada por Henrique II,reaviva as dissenções entre as grandes famílias feudais, e , somente a habilidade de sua esposa Catarina de Medécis , consegue contornar as crises…
È tempo dos “Reis Meninos”: com a morte de Henrique II, a coroa passa para seu primôgenito Franscisco II, um adolescente doentio de 15 anos, que havia casado aos 13 com a rainha Maria Stuart, da Escócia (tudo doido na altura… enfim …).
Seu reinado dura porém muito pouco: morre as 16 anos (não podia com a coroa…:oP)…deixando a coroa (imaginem ) para o seu irmão Carlos IX de apenas … 9 Anos!!!!, ficando o poder nas mãos de sua Mãe (ao menos isso) Catarina como regente(imaginem o miúdo a brincar com o país aos cowboys:oP)
(…)
Ficamos por aqui na época de Nostradamus , mas se alguém estiver interessado em mais pormenores … eu cá estarei para os dar
:o)

Nostradamus


Cá está o homem que aqui se fala....Agora é que a gente o tramou... Esta ele não previu com certeza lol

Nostradamus...parte Três...*_*

Bem … retomando a biografia de Nostradamus…
(Tem cá uma biografia ele…)
Adiante…
*A sua fama de médico e de adivinho , ultrapassa as fronteiras da França, de todos os cantos da Europa e veem celebridades de todos os cantos para lhe pedir “uma Luz” sobre o futuro ainda que tênue(pena na altura ainda não existir o totoloto):oP
*Mas como tudo na vida, a sua saúde já não acompanha esse brilhantismo…
*Já há alguns anos que ele vem sofrendo de artritee e gota, enfermidades que com o tempo vão dominando mais o seu organismo…
*Em meados de 1566, sofre um enorme ataque de hidropisia(ou seja , acumulação de liquido nos tecidos), que o obriga a permanecer no leito.
*No dia 1º de Julho chama um criado para lhe arrumar o quarto , pois já não iria estar vivo no dia seguinte… e adivinhou mesmo…faleceu…
[ Nostradamus faleceu a 2 de Julho de 1566, sendo sepultado de pé numa das paredes da Igreja dos Cordeliers , em Salon.
Sobre o tumulo sua esposa mandou gravar um epitáfio, semelhante ao do historiador romano Tito Lívio]

***************************
“ | D.M.
Clarissimil Ossa
Michaelis Nostradami,
Unius omnium mortalium judicio digni,
Cujus penè divini calamo totius Orbis,
Ex astrorum influxo, futuri eventus,
Conscriberentur.
Vixit annos LXII , menses VI,dies XVII,
Obiit Sallone an M.D.LXVI
Quitem Posteri ne invidete.Anna Pontia Gemella
Conjugi opt.v .felicit. |”
************************************
(vi-me negrinha para escrever isto ... ufa)

Prosseguindo…
*Acontece que … durante a Revolução Francesa , o Túmulo de Nostradamus foi aberto por soldados supersticiosos (imagine- se!!!! Se não fossem …)
*Sendo assim lá tiveram que o reenterrar… desta vez em outra Igreja de Salon,
A igreja de S. Lourenço, onde permanecem até hoje…(ser enterrado duas vezes é obra)…
*Pronto…aí está uma "curta biografia" do " Meu" Nostradamus…
_(Seguidamente irei falar da sua època…)
Me aguardem…:O)